terça-feira, 31 de maio de 2011

URGENTE: MILITANTES GAYS PLANEJAM QUEIMAR BÍBLIAS AMANHÃ EM FRENTE À CATEDRAL DE BRASÍLIA

Saudações queridos leitores!

Queria muito voltar a escrever em condições melhores, mas o momento é de agirmos urgentemente.

Militantes gays pretendem incendiar Bíblias amanhã, dia primeiro de junho, em frente à Catedral de Brasília, às 2 da tarde. Nós, Católicos e todos os homens de boa vontade temos que impedir que mais esse crime seja cometido contra a liberdade de expressão, contra a sociedade, contra as famílias brasileiras e contra a Fé de maioria esmagadora de uma nação. É necessário que impeçamos isso, seja com a ajuda da polícia, seja com a ocupação pacífica da área em torno da Catedral!


Vejam o link com o chamado à manifestação: http://acessa.me/xbfg


Vejam um print screen da tela, caso tentem apagar:

Cliquem sobre a imagem para ampliá-la.

Avisem a seus amigos, conhecidos, no Twitter, Facebook e Orkut, para que impeçam esse ato abominável contra nossa fé.

Atualização 01/06/2011 09:36 UTC-3:  A ABGLT informou que a página de eventos foi hackeada, que colocaram o conteúdo do evento justamente para atacar a associação. mais informações em: http://www.gay1.com.br/2011/06/em-forum-virtual-supostos-hackers.html (cuidado ao acessar, conteúdo chocante). Confesso que não acredito muito na história, pois a página foi modificada outras vezes, sempre diminuindo o teor das ofensas. Vejam um print screen retirado antes de eu escrever esse post, os termos usados eram muito piores:


 Clique sobre a imagem para ampliá-la.

Para garantir que o solo sagrado não será profanado, recomendo que quem puder, esteja em frente à Catedral de Brasília na tarde de hoje rezando o terço. 

Atualização 01/06/2011 11:31 UTC-3: A convocatória para a queima de Bíblias voltou ao ar no site da ABGLT. Exorto todos os defensores da liberdade de expressão a não baixar a guarda e a tomar a frente da Catedral de Brasília com seus terços na mão, em um movimento de resistência pacífica contra a ditadura gay. Segue print screen da nova convocatória,em tom de chacota:

  Clique sobre a imagem para ampliá-la.
Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Ajude a defender a Igreja! - http://www.defesacatolica.com.br/ 

11 comentários:

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Esse Nerdpai é um puta otário. Dá nele mano... da nele.

Fernando Tavolaro de Castro disse...

Haha! Essa não é a esfera apropriada pra isso. Mas não dá mais pra falar, pois ele me bloqueou sem aviso prévio. Isso que dá ter hipersensibilidade a comentários que contrariam as ideias. Não se acanhe em ficar oculto, entre em contato através de pergunte@blogdofernando.com.br . Sigilo garantido.

Anônimo disse...

Nem esquente... prefiro me manter anônimo. Esse cara adora arrumar picuinha na web. Deve ser corno.. no mínimo.

Fernando Tavolaro de Castro disse...

O problema não é arrumar picuinha, mas sim ser melindroso em relação a qualquer crítica. Isso que me entristece. Se ele ao menos debatesse sem ficar rotulando depreciativamente todo mundo que vai contra o que ele pensa... devia ter visto como ele ficou quando falei mal da Apple. Se tivesse perto de mim me enchia de porrada.

Anônimo disse...

Se gosta tanto assim da Apple deve ser pederasta. Faz uma campanha pra ferrar esse otário.

Fernando Tavolaro de Castro disse...

Por mais que fãs da Apple tenham lá seus aspectos negativos, não acho que ser um devoto dos produtos de Steve Jobs torne ninguém pederasta.

Fernando Tavolaro de Castro disse...

Por mais que fãs da Apple tenham lá seus aspectos negativos, não acho que ser um devoto dos produtos de Steve Jobs torne ninguém pederasta.

Fernando Tavolaro de Castro disse...

Por mais que fãs da Apple tenham lá seus aspectos negativos, não acho que ser um devoto dos produtos de Steve Jobs torne ninguém pederasta.

Anônimo disse...

olha o mano falando mal de vc

http://twitter.com/#!/NerdPai/status/83514493535133697

Fernando Tavolaro de Castro disse...

Acho que não sou eu não, pois ele não me bloqueou há mais de um mês, apenas ontem. Além do mais, deixa ele... em dois dias nem vou mais lembrar que ele existe.