sábado, 12 de julho de 2008

Bento XVI inicia viagem à Austrália para a JMJ

Saudações queridos leitores!

Bento XVI inicia sua viagem à Austrália em ocasião da Jornada Mundial da Juventude. O Santo Padre deixou o aeroporto de Fiumicino, em Roma por volta das 10:30 locais (05:30 na hora de Brasília) e deve chegar por volta das 10:30 (22:00 de sábado em Brasília) da manhã de domingo na Austrália.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

sexta-feira, 11 de julho de 2008

Laicidade e laicismo

Saudações queridos leitores!

A civilização ocidental deve a sua existência à Igreja Católica. Foi a Igreja que moldou o Direito, que defendeu Roma das invasões bárbaras e que agiu de maneira direta na reconquista da península ibérica. A gênese do mundo ocidental existe graças ao esforço da Igreja. A Igreja sempre trabalhou pelo bem da sociedade e, mesmo quando alguns excessos foram cometidos por seus filhos, ela sempre buscou fazer o melhor.

Mas, como um filho que cresce e rejeita a seu pai, o ocidente rejeita hoje a Igreja que lhe gerou tal como é. As liberdades que foram garantidas graças à Igreja são usadas para que essa mesma Igreja seja expulsa do mundo. Essa é a laicidade. Diferente do laicismo, que visa separar os diferentes assuntos das diferentes esferas de modo que cada um possa trabalhar da melhor maneira possível, a laicidade é um movimento que visa expulsar a Igreja de todos os ambientes, encurralando a religião como um aspecto meramente pessoal. Isso é errado. Pois a Igreja, como uma organização inserida no Estado Democrático e de Direito, deve ter o mesmo direito de manifestação que quaisquer outras organizações, já que constitui um ente legal no Estado.

Infelizmente não é isso que vemos, seja aqui no Brasil, seja na Europa. O Cardeal Tarcicio Bertone, Secretário de Estado do Vaticano lembrou nessa quinta-feira, dia 10, que a Igreja está sendo marginalizada na Itália. "A Igreja católica não pede privilégios, mas só a possibilidade de desenvolver livremente a própria missão pastoral e social", afirmou o Cardeal.

De acordo com o Cardeal Bertone, "não poucos pensadores expressam um conceito de laicidade aberta ao diálogo e ao confronto construtivo entre posições distintas". A essa idéia, o secretário de Estado do Vaticano contrapõe um "laicismo, (...) esse veiculado pela imprensa", conotado por um "critério de exclusão" do aspecto religioso.

Em um alerta quanto à marginalização da religião, alerta o Cardeal: "Existe a premissa, já 'descontada', da secularização como privatização da religião, que, no momento histórico de seu retorno a um protagonismo social e cultural, é acusada de invadir ilegitimamente a esfera publica. (...) A Constituição italiana é laica, mas não laicista. É interessante notar como na Itália foi preciso marcar esse binômio para distinguir a laicidade saudável daquela radical e anticlerical".

Infelizmente esse é um fenômeno que não atinge somente a Itália, mas bem toda a Europa, com uma especial força na Espanha, onde o governo socialista visa expulsar a religião de todo e qualquer ambiente externo. Sem querer ser alarmista, mas começo a temer o dia em que os ditos iluministas tentarão novamente transformar Notre Dame no templo da razão, em uma prova cabal de irracionalidade.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Abortistas contratam perseguidores sexuais para perseguir a pró-vidas na Áustria

Tabuleta narra a ressurreição do Messias

Saudações queridos leitores!

A EFE traz uma notícia patética (aqui na versão do Estadão) sob um manto de grande descoberta. Segundo a reportagem, uma tabuleta de pedra contendo inscrições que relatam uma história de morte e ressurreição em três dias seria uma prova do plágio da Ressurreição de Cristo! Esses caras só podem estar de brincadeira! Quer dizer que um relato anterior aos relatos evangélicos, ao invés de corroborar a idéia da ressurreição, a desmascara? Se essa é a teoria dos estudiosos, por que não tiveram o mesmo raciocínio com as profecias milenares que atestavam a ressurreição do Messias, até mesmo com mais detalhes?

Essa tabuleta, ao invés de desconstruir a crença na Ressurreição, só vem provar que o Messias sempre foi esperado e que a idéia já era conhecida entre os judeus. Do jeito que a descoberta é colocada, parece que Jesus e Seus discípulos não previram nada, mas sim copiaram tudo. Balela. No Novo Testamento Jesus relata diversas vezes Seu sofrimento, morte e ressurreição. Alguns estudiosos acreditavam que isso foi inserido posteriormente, mas a descoberta leva-me a pensar justamente no contrário.

Essa tábua, ao invés de desacreditar os cristãos, não vai fazer nada mais que reforçar a crença nos relatos evangélicos, visto que a idéia da ressurreição de Nosso Senhor notadamente não foi inventada pelos apóstolos.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Santa Sé teve prejuízo de 9,06 milhões de euros em 2007

Saudações queridos leitores!

Para quem fala que a Igreja possui tesouros incontáveis, que fica rica às custas dos outros, essa informação deve derrubá-los do cavalo. O Vaticano divulgou o balanço financeiro relativo a 2007 e o resultado foi um prejuízo de 9,06 milhões de Euros. Já o Estado do Vaticano, que tem uma administração diferente, obteve um superávit de 6,7 milhões de Euros.

Esse déficit deve-se à oscilação na taxa de juros, a queda do dólar (visto que parte significativa das doações ao Óbolo de São Pedro vêm dos Estados Unidos) e aos gastos relativos à manutenção dos prédios.

Fonte: Estadão.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Comissão da Câmara rejeita projeto que descriminaliza aborto

Saudações queridos leitores!

A vida venceu mais uma! E de lavada!

A CCJ rejeitou rejeitou nesta quarta-feira um projeto de lei pela descriminalização do aborto. A rejeição ocorreu por unanimidade dos 33 parlamentares votantes, depois que os que eram favoráveis à matéria decidiram se retirar da reunião, em protesto.

Mais uma vez os abortistas esconderam sua cara na hora de enfrentar um desafio. Parabéns aos defensores da vida, que não se acovardaram quando a defesa da vida, o nosso bem mais precioso, precisou de vozes para lutar contra a morte.

Votaram contra o arquivamento apenas os deputados José Genoino (PT-SP), Eduardo Valverde (PT-RO), José Eduardo Cardozo (PT-SP) e Regis de Oliveira (PSC-SP). Genoino, pra variar, defendeu em seu voto que o aborto é um problema "de saúde pública" e não deve ser tratado com argumentos religiosos.

Mas não podemos descansar, pois apesar de essa ter sido uma importante vitória, a guerra contra a cultura da morte ainda está longe de acabar. Com informações do UOL.

Viva a vida!

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

terça-feira, 8 de julho de 2008

Morre John Templeton

Saudações queridos leitores!

John Templeton morre aos 95 anos. É uma perda tanto para a ciência quanto para a religião. Templeton era um financista, criador da Fundação Templeton, entidade que visava o desenvolvimento conciliado da ciência e da religião. O Prêmio Templeton, de 1,24 milhão de dólares premia pessoas que se destacam no avanço do conhecimento de assuntos espirituais.

Entre os ganhadores estão figuras como o pregador Billy Graham, Madre Teresa de Calcutá, o dissidente soviético Alexander Solzhenitsyn e os físicos Freeman Dyson e Paul Davies.

Estima-se que a Fundação Templeton invista 70 milhões de dólares anualmente em bolsas de estudos.

Mais informações no Estadão.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Anglicanos aprovam participação de mulheres no episcopado

Saudações queridos leitores!

A "bispa" Sônia não está mais sozinha em seu cargo. Os anglicanos aprovaram medidas para elevar mulheres a seu episcopado (fonte aqui). Esse tipo de coisa vindo dos anglicanos não me surpreende nem um pouco, pois eles ordenam qualquer um por lá. Daqui a pouco estarão ordenando cones de trânsito e aqueles bonecos "João Bobo".

Mas a aprovação não foi assim pacífica. Algumas condições tiveram que ser tomadas para que os anglicanos mais tradicionais não abandonassem de vez a Igreja, aumentando ainda mais o abismo existente entre os dois ramos. As medidas não foram divulgadas.

A ruína da comunidade anglicana já vem de longa data e é uma prova de que tudo que não vem de Deus tende a voltar ao pó. E é lá que a comunhão anglicana está. Só que muitos ainda não perceberam. Assim acontecerá com todos aqueles que se separaram de Cristo.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Abortistas pressionam Youtube para retirar vídeo pró-vida

Saudações queridos leitores!

Nenhum totalitarismo tolera opiniões divergentes. Foi assim com o nazismo, com o comunismo. É assim com o gayzismo e com o abortismo. Dois vídeos postatos no Youtube que desmascaram as intenções da cineasta Eve Reinhardt, que queria uma entrevista com um líder pró-vida para seu projeto "The Decency Gap".

O projeto "The Decency Gap" é um documentário que visa estimular a descriminalização do aborto ao redor do mundo e é financiado por organizações abortistas de todas as partes do planeta, entre elas a International Planned Parenthood Federation (IPPF), que agrega diversas entidades que estimulam o aborto. Com informações de ACI, que postou o vídeo e a notícia original.



Assistam ao vídeo. Vejam como Eve Reinhardt tenta ser dissimulada mas é descoberta poe Carlos Polo, que já sabia do que se tratava. A diretora abortista, ao ser desmascarada tenta mais uma vez enganar Carlos Polo, dizendo que as informações que ele tem sobre o projeto são antigas e que ela é imparcial. É incrível a consternação que ela demonstra perante ele.

Vejam queridos leitores, como os abortistas apelam para a mentira, a enganação e a dissimulação para implantar sua cultura de morte em nosso meio.

OS ABORTISTAS TENTARAM TIRAR ESSE VÍDEO DO YOUTUBE EM UMA CLARA TENTATIVA DE CENSURAR AS VOZES QUE LUTAM PELA VIDA! ESPALHEM ESSE TEXTO E ESSE VÍDEO EM BLOGS, E-MAILS E COMUNIDADES DO ORKUT O MÁXIMO QUE PUDEREM!

Incontáveis vidas inocentes dependem disso.

Que Deus nos livre da maldição do aborto!

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

domingo, 6 de julho de 2008

Evangelho de Domingo - 14° Domingo do Tempo Comum

Saudações queridos leitores!

Segue abaixo o Santo Evangelho desse domingo, dia do Senhor, com comentários de Santo Agostinho.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo, segundo Mateus.

Evangelho (Mt 11, 25-30 (14º Domingo do Tempo Comum))

25Naquela ocasião, tomando Jesus a palavra, disse: Eu Te bendigo, ó Pai, Senhor do Céu e da Terra, porque ocultaste estas coisas aos sábios e prudentes e as revelaste aos pequeninos. 26Sim Pai, porque tal foi o Teu beneplácito. 27Todas as coisas me foram entregues por meu Pai; e ninguém conhece o Filho senão o Pai, nem ninguém conhece o Pai senão o Filho e aquele a quem o Filho o quiser revelar.
28Vinde a Mim todos os que andais afadigados e sobrecarregados, e Eu vos aliviarei. 29Tomai sobre vós o Meu jugo e aprendei de Mim, porque sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para as vossas almas, 30pois o Meu jugo é suave, e a Minha carga é leve.

Palavra da Salvação.

Comentário ao Evangelho do dia feito por:

Santo Agostinho (354-430), bispo de Hippone (África do Norte) e doutor da Igreja

Confissões, I, 1-5

«Vinde a mim, todos que estais cansados e oprimidos e eu vos aliviarei» «Tu és grande, Senhor e digno de louvor» (Sl 144,3). «Grande e poderoso é o nosso Deus, a sua sabedoria não tem limites» (Sl 146, 5), e no entanto o homem quer louvar-te, o homem que é apenas uma pequena parcela da tua criação, o homem que leva com ele por toda a parte a sua mortalidade, que leva com ele o testemunho do seu pecado e que reconhece que «tu te opões ao orgulhoso». Contudo, parcela insignificante da tua criação, o homem quer louvar-te. És tu quem o impulsionas a procurar a sua alegria no teu louvor, porque tu nos fizeste para ti, e o nosso coração não descansa enquanto não repousa em ti...

«Louvarão o Senhor aqueles que o buscam» (Sl 21,27). Os que o procuram encontrá-lo-ão, e os que o encontram louvá-lo-ão. Portanto, que eu te procure, Senhor, invocando-te, e que te invoque, acreditando em ti! Porque tu nos foste revelado pela pregação. Ela invoca-te, Senhor, esta fé que tu me deste, esta fé que me inspiraste pela humanidade do teu Filho, pelo ministério do teu pregador. E como te invocarei, ó meu Deus e meu Senhor? Quando te invocar, pedir-te-ei para vires a mim. Mas há em mim um lugar onde o meu Deus possa vir, esse Deus «que fez o céu e a terra» (Gn 1,1)? Sim, Senhor meu Deus, há em mim alguma coisa que te possa abarcar? O céu e a terra que tu criaste, e nos quais me criaste, podem conter-te?... Dado que eu mesmo existo, posso eu pedir-te que venhas a mim, eu que não existiria se tu não existisses em mim?...

Quem me concederá que repouse em ti? Quem me concederá que venhas ao meu coração, que o entusiasmes para que eu esqueça os meus males e possa escutar-te, a ti, meu único bem? Quem és tu para mim? Tem piedade de mim, para que eu possa falar. Que sou eu a teus olhos, para que tu me mandes amar-te?... Na tua misericórdia, Senhor meu Deus, diz-me o que é que tu és para mim. «Dizei à minha alma: eu sou a tua salvação» (Sl 34,3); que eu o perceba. Aqui está a orelha do meu coração à escuta diante de ti. Senhor, faz com que ela te oiça, e «dizei à minha alma: eu sou a tua salvação». Eu quero acorrer a esta palavra e apreendê-la finalmente.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.