segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Vídeos profanos são removidos do YouTube!

Saudações queridos leitores!

Depois de muita polêmica e o estarrecimento e revolta dos Católicos, os vídeos em que diversas profanações à Sagrada Eucaristia foram removidos do YouTube. Mas a remoção não foi obra do site de vídeos, como deveria ter sido.

O usuário que fez e divulgou os vídeos, conhecido pela alcunha de fsmdude apenas removeu os vídeos depois que seu pai recebeu uma carta em que alguém alegava conhecer a família e ameaçou divulgar detalhes particulares não apenas do usuário, mas de seus familiares, como o nome dos pais, onde eles trabalham e onde o garoto estuda.

A pessoa que enviou a carta exigiu a retirada imediata dos vídeos e um pedido público de desculpas por parte do usuário. Os vídeos foram retirados, mas o pedido de desculpas não apareceu.

O episódio acaba de forma lamentável, pois tão inadmissível quanto a produção e divulgação de material tão ofensivo é a recorrência a ameaças para tirar tal material do ar. Deixo claro aqui que apesar dos vídeos terem sido retirados do ar, sou totalmente contrário ao modo como isso aconteceu.

Esse triste episódio mostrou a indiferença do YouTube e de seu controlador, o Google, em relação à discriminação contra os Católicos. O Google possui uma política de tolerância zero em relação a conteúdo ofensivo, mas, por algum motivo não esclarecido por eles, mesmo após milhões de manifestações vindas de toda parte do mundo, os administradores do portal simplesmente ignoraram os apelos.

Isso me faz concluir que o Google apóia a discriminação contra os Católicos.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Nenhum comentário: