quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Um comentário que revela a síntese to petismo

Saudações queridos leitores!

Bastou eu evidenciar aqui a hipocrisia do PT na campanha eleitoral na cidade de São Paulo que eu recebi comentários típicos de petistas. No comentário abaixo, que eu faço questão de destacar, podemos ver o petismo em estado puro. Confiram em vermelho.

caro Fernando pelo que li sobre o PT acho que seu comentário foi de grande maldade com os filiados do Partido dos trabalhadores, não vejo em voce a mínima competência para criticar alguem ; olhe para dentro de voce e veras que seu comentário foi tendencioso sem respeito ao governo com 70% de aprovação dibólico foi seu infeliz comentário.

Ele começa me dizendo que "achou" que meu comentário foi de grande maldade com os filiados do PT. Meu caro anônimo (essa corja só envia comentários anônimos, pois não tem coragem de mostrar a cara), você acha errado se pensa que eu fui malvado com os petistas. Eu não fui malvado, mas fui duro. E digo que não fui duro o suficiente, pois nunca se é duro o bastante para denunciar a barbárie que essa corja comete ao usar a democracia para solapar a mesma democracia e a pedir a ajuda de quem demonizavam a pouco tempo.

Os petistas acham que possuem uma licença para fazer o que bem entendem, sem dar bola para a coerência e para a vergonha na cara. Só respeitam quem concorda com eles. Se os protestantes atacam a Marta por ela defender políticas contrárias às suas crenças, logo ela já vocifera contra eles, alegando que é discriminada, que eles são reacionários e todo o repertório que conhecemos tão bem. Agora, quando o partido percebe que a coisa está feia para a campanha dela, abrem mão das convicções e da vergonha na cara para pedir apoio! É nauseante!

Ele também não vê em mim competência para criticar o petismo, mas se eu estivesse cantando as glórias do PT certamente ele e outros de sua corja certamente estariam incensando a minha postagem e a minha competência para elogiar não seria minimamente questionada.

Caro anônimo, você diz que meu comentário é tendencioso. Nossa! Descobriu isso só agora? Sua descoberta pode ser comparada à descoberta do queijo gorgonzola! Algumas pessoas acham que isenção é você bater igualmente nos dois lados só para não parecer que eu me inclino para um deles. Segundo sua lógica torpe, eu só poderia criticar o petismo se criticasse com força igual o que as pessoas chamam de direita. Mas não. Esse negócio de isenção, que na verdade é o isentismo que mostra de forma emblemática a falta de opinião própria não é comigo. Eu aprendi a chamar o certo de certo e o errado de errado. Chamar as coisas pelo nome é uma característica inerente à minha natureza.

Sobre os 70% de aprovação do governo do Sapo Barbudo, isso é um dado irrelevante. O nazismo tinha uma grande aprovação popular nos primeiros anos de sua ascenção. Nosso Senhor foi condenado praticamente por uma aclamação popular graças a uma multidão manipulada por Caifás e Anás.

Aprovação do governo se torna irrelevante quando comparada com certo e errado.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Nenhum comentário: