segunda-feira, 9 de junho de 2008

Cirurgia no útero salva perna de bebê na Austrália

Saudações queridos leitores!

Enquanto alguns setores da sociedade lutam tanto pelo suposto direito de matar bebês inocentes, um grupo de médicos da Austrália concentra seus esforços em salvá-los. Eles realizaram uma cirurgia em um bebê enquanto o mesmo ainda estava no útero da mãe. A cirurgia foi feita para corrigir um problema nas pernas do bebê, chamada Síndrome da Banda Amniótica.

A bebê chamada Leah, que está hoje com quase seis meses, foi operada no ano passado durante a 22ª semana de gestação (entre o 5º e o 6º mês), quando tinha cerca de 18 cm. A Síndrome da qual ela era portadora faz com que faixas de tecido cresçam ao redor dos membros, provocando deformações.

A síndrome, quando detectada através de um exame de ultrassom, mostrou que duas faixas de tecido estavam impedindo o fluxo sangüíneo para os pés em ambas as pernas do bebê. Por meio de um tubo cirúrgico, inserido no útero, os médicos do Centro Médico Monash, de Melbourne, cortaram as faixas que afetavam o tornozelo esquerdo de Leah usando raio laser e eletricidade. Os médicos acreditam que agora a perna esquerda de Leah funcionará normalmente.

Já a perna direita estava tão afetada pelas faixas que os médicos decidiram não mexer nela durante a operação. Mas, logo após o nascimento, Leah passou por uma cirurgia na perna direita, que foi salva com a retirada de pedaços de músculo, osso e outros tecidos para promover o fluxo de sangue. Após a segunda cirurgia, os médicos avaliam que ela também poderá ser normal após um tratamento com fisioterapia e massagens.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Nenhum comentário: