quarta-feira, 28 de maio de 2008

Alexandre Garcia, o oráculo do Bom Dia Brasil

Saudações queridos leitores!

Toda manhã, antes de vir trabalhar, dou uma rodada pelos telejornais matinais. Hoje, assistindo ao Bom Dia Brasil, vi um comentário de Alexandre Garcia acerca do julgamento sobre as células-tronco embrionárias. Ele parecia um oráculo.

Ele destaca que o Ministro Carlos Alberto Direito é um "católico fervoroso" como se isso tivesse alguma influência no julgamento. Há muitos que se dizem católicos e que querem a liberação do assassinato. Ele também destaca que Claudio Fonteles é um católico fervoroso, o que induz as pessoas a acreditarem que esse é um duelo de Fé x Razão. Isso é jogo sujo.

Fonteles foi taxado de "católico fervoroso" como se isso fosse algum crime porque usou, vejam só, queridos leitores, a Constituição, para provar a inconstitucionalidade do artigo da Lei de Biossegurança que libera as pesquisas com CTE's.

Logo depois, ele dá o veredicto, que ele diz sentir. 7 a 4 pela liberação. A última pessoa que eu vi prevendo as coisas com tanta certeza assim foi a Mãe Dinah.

Quando interpelado pelo Renato Machado sobre o que vai ser julgado, Alexandre Garcia diz que não será um julgamento de religião x ciência. Por parte dos religiosos não será mesmo, visto que quem mais apela para a argumentação religiosa (com o fim de desqualificar) são os militantes pró pesquisas com CTE's.

Na mesma resposta, em uma distorção grosseira, ele diz que o julgamento é para que as células, que ele não trata em nenhum momento como pessoas que são, tenham oportunidade de gerar vida. Só que ele não diz que a qualidade de vida dos embriões esteja reduzia a ser parte de um coração, parte de um cérebro, ou até mesmo um tumor. Mas ele alerta que isso dependeria do sucesso das pesquisas no Brasil, demonstrando que nem mesmo ele tem certeza de que isso dê em algo.

A Renata Vasconcelos pergunta para ele o que aconteceria com os embriões no caso da rejeição das pesquisas e o Alexandre Garcia foi taxativo: "Os embriões vão para o lixo e acabaria a esperança de milhares de doentes graves." E ele silencia sobre as células-tronco adultas.

O final do comentário é o que me deixou mais enojado. Em uma apelação asquerosa à religião, ele lembra que a Esperança é uma das três virtudes teologais, junto com a Fé e a Caridade. E diz que a Fé está atrapalhando a Caridade, a maior delas.

Pena que a Caridade do Alexandre Garcia seja tão seletiva. Enquanto ele é muito caridoso com as pessoas que sofrem de doenças degenerativas, ele é muito impiedoso e condena à morte milhares de seres humanos que estão trancafiados em uma prisão gelada, retirando-lhes a Esperança de viver.

Deprimente.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

3 comentários:

Evelyn Mayer de Almeida disse...

"O final do comentário é o que me deixou mais enojado. Em uma apelação asquerosa à religião, ele lembra que a Esperança é uma das três virtudes teologais, junto com a Fé e a Caridade. E diz que a Fé está atrapalhando a Caridade, a maior delas."

E ele faltou com a caridade aos ouvidos dos telespectadores, hein?!
Fala sério!

Eu li estes dias uma entrevista da Dra Lygia que é uma das que está encabeçando a luta pela matança dos embriões. Questionada se tem certeza do uso dos embriões, ela logo diz que não, porque é preciso ter certeza da compatibilidade, além do que, a maior "vantagem" de se liberar estas pesquisas não é curar doentes, mas investir em clonagem humana.

Mas tudo bem... a galera quer acreditar que célula-tronco embrionária é a salvação da humanidade... beleza... tem gente que quer cego mesmo... omisso mesmo... fazer o que?

Francisco Teodorico Pires de Souza disse...

Partindo do princípio que seja aprovada a pesquisa, outro problema que preocupa-me é a possibilidade de, como existem barrigas de aluguel, as mulheres se sujeitarem a gerar embriões para pesquisas, principalmente as que passam por dificuldades financeiras.

Off-topic
Há poucos dias li uma notícia que deixou-me também preocupado é a aprovação pelo parlamento britânico da "não proibição" de clonagem de embriões híbridos, ou seja, humanos e de animais...

Francisco Teodorico

Evelyn Mayer de Almeida disse...

Francisco,

Eu não tinha pensado nisto...
Mulheres portadoras de embriões pró-pesquisa... Caraca, isso é super possível, infelizmente.

Que coisa triste chegarmos a esta conclusão...