segunda-feira, 24 de março de 2008

Santopedia, a Wikipedia dos Santos

Saudações queridos leitores!

Mais uma vez a tecnologia é usada em favor da Fé. Depois do Cardeal Tettamanzi responder aos fiéis através do YouTube, agora nasce a Wikipedia dos Santos. Sempre tive curiosidade de saber quantos são os Santos Canonizados em nossa Santa Igreja mas nunca consegui uma contagem confiável. Suponho que estejam em torno de uns 30 mil. Vamos ver se agora me respondem a essa questão. Fiquem com ZENIT (íntegra aqui), volto depois.

Nasce Wikipédia dos santos: Santopedia.com, buscando colaboradores

BARCELONA, domingo, 23 de março de 2008 (ZENIT.org).- Uma Wikipédia para os santos, para «conhecê-los»: esta é a idéia com a que se lança o projeto «Santopedia», lançado por um grupo de jovens católicos de Barcelona para «fomentar o conhecimento dos santos» e «a pesquisa científica e estatística de suas vidas, especialmente dos mártires».

Nestes dias da Semana Santa, lançaram uma primeira versão do site, com o objetivo de fomentar a colaboração de pessoas com bons conhecimentos sobre o santoral. Nacho Cofré, diretor do projeto, disse à Zenit que «o site está em contínuo crescimento, de conteúdos e de funcionalidades» e o desejo é «que seja um projeto muito grande», mas reconhece que por enquanto «somos poucas pessoas realizando-o».

«Queremos que a devoção aos santos promovida pelo nosso site não seja desde o sentimento, mas desde o conhecimento. É por isso que tampouco queremos acrescentar muitas imagens nem frases sentimentais ou grandes expressões piedosas. Queremos ser um lugar onde se possa encontrar a vida dos santos escrita objetiva e sobriamente», comenta.

Assim como projetos como a Wikipédia, o lançamento do site não é mais que o começo, pois sua riqueza depende das colaborações dos seus usuários.

Mais informação em www.santopedia.com

Voltei. Genial! Sempre gostei muito dessas iniciativas! O tema é interessantíssimo e edificante (os Santos), a proposta tem tudo para dar certo! Rezo para que eles consigam realizar um trabalho para a Glória de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Isso também me leva a refletir: "Por que não pensei nisso antes?", hehe.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Nenhum comentário: