sexta-feira, 14 de março de 2008

Morre fundadora do Movimento dos Focolares

Saudações queridos leitores!

É com grande tristeza que publico a notícia do falecimento de Chiara Lubich, fundadora do movimento dos Focolares.

Morre fundadora do Movimento dos Focolares

Assessoria de imprensa; Agência Eccclesia Num clima sereno, de oração e de intensa comoção, Chiara Lubich, fundadora e presidente do movimento dos Focolares, morreu na madrugada desta sexta-feira, 14, aos 88 anos, na sua casa, em Rocca di Papa, perto de Roma. Chiara já havia sido hospitalizada, no Hospital Gemelli, na capital italiana, em fevereiro para realizar exames, quando teve complicações respiratórias. Nesta quarta-feira, 12, diante da inexistência de reação ao tratamento, os médicos atenderam o desejo expresso pela própria Chiara de voltar para casa junto à comunidade dos Focolares, que também em todo o mundo estava em profunda oração por ela. Ontem, durante todo o dia, centenas de pessoas – familiares, estreitos colaboradores e os seus filhos espirituais – passaram pelo seu quarto para lhe dar o último adeus, ficando depois em recolhimento na capela contígua, e finalmente rezando, no jardim da casa de Chiara. Uma ininterrupta e contínua procissão. A alguns, Chiara fez um aceno com a cabeça, apesar da extrema debilidade. Continuam a chegar, de todas as partes do mundo, mensagens de participação e de plena comunhão por parte de alguns líderes religiosos, políticos, académicos e civis, e de muita gente do “seu” povo. O funeral será na próxima terça-feira, 18, às 15h (horário de Lisboa), na Basílica Papal de São Paulo fora de muros, em Roma.

Confesso que conheço pouco sobre os Focolares. Mas sempre os vi sendo muito elogiados pelo trabalho inter religioso que exercem mundo afora, trabalhando pela união e pregando a real necessidade da conversão.

Que Deus conceda a Chiara Lubich o descanso eterno que ela merece.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Um comentário:

George Rafael disse...

Chiara Lubich foi um grande exemplo de unidade e amor ao próximo. Ela terminou sua jornada terrena mas nos deixou um belo exemplo de vida.