sexta-feira, 28 de março de 2008

Católicos coreanos lembram seus mártires e iniciam construção de santuário

Saudações queridos leitores!

Vivemos em um país onde ainda somos maioria e por isso muitos não entendem o valor do martírio. Fiquem com reportagem da ACI, volto depois.

Católicos coreanos lembram seus mártires e iniciam construção de santuário

.- A Igreja Católica na Coréia do Sul começou a construção de um novo santuário dedicado aos mártires do país no povo de Hongju, onde 212 coreanos foram assassinados por ódio à fé.

Conforme informou a agência vaticana Fides, a Igreja vê em seus mártires "um sólido ponto de referência" pois "representam a tradição da fé e as raízes mesmas da comunidade que hoje acredita, celebra e testemunha o Evangelho".

Com uma Eucaristia, Dom Lazzaro You Heung-sik, Bispo de Daejeon, deu início às obras diante de milhares de fiéis. O Bispo abençoou a colocação da primeira pedra para o novo santuário e convidou aos fiéis a contribuir com a obra, que incluirá a construção do “Parque dos Mártires de Hongju”, com um Via Crucis, uma igreja, e estruturas de acolhida para peregrinos.

Voltei. Ainda hoje existem muitas pessoas sendo assassinadas pela Fé. Na Coréia isso já não ocorre com tanta freqüência, mas em outros países onde a Igreja é perseguida e sofre, como a China, os países árabes e as ditaduras comunistas, ainda há muitos mártires morrendo para o nosso mundo e nascendo para Deus.

Rezemos por eles.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Nenhum comentário: