terça-feira, 4 de março de 2008

Bispo paraguaio recorda que situação de desobediência de Lugo não mudou

Saudações queridos letores!

Sobre Dom Fernando Lugo, o Bispo encrenqueiro. Fiquem com ACI, volto depois.

Bispo paraguaio recorda que situação de desobediência de Lugo não mudou

.- O Presidente da Conferência Episcopal Paraguaia (CEP), Dom Ignacio Gogorza, recordou que Fernando Lugo, candidato presidencial por uma coalizão opositora, encontra-se em condição de "desobediência ao Santo Padre".

"Para mim e para a Igreja Católica continua a ser um bispo suspenso 'a divinis' em seu ministério e, portanto, atua na política partidária em desobediência ao Santo Padre", lembrou Dom Gogorza e precisou que "o fato de ter renunciado pessoalmente ao exercício do ministério episcopal não o habilita, eclesiasticamente, para atuar na política partidária".

A Aliança Patriótica para a Mudança (APC), encabeçada pelo partido Liberal Radical Autêntico, o principal da oposição, junto com outros nove agrupamentos designou a Lugo como aspirante à chefia do Estado.

Os paraguaios elegerão em 20 de abril próximo um presidente, vice-presidente, 45 senadores, 80 deputados e 17 governadores departamentais com seus vereadores regionais.

* * *

Voltei. Para que não reste dúvida. Mesmo tendo renunciado ao exercício do ministério ele está em desobediência. Acrescento que é desobediência dupla, pois além de desobedecer se candidatando a um cargo público, ele desobedece ao compactuar com a ideologia maldita da Teologia da Libertação.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Nenhum comentário: