terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Procura por pílula do dia seguinte fica abaixo do esperado

Saudações queridos leitores!

O Carnaval está passando... agora, fiquem com notícia do Terra (fonte aqui), volto depois.

Recife: procura por pílula do dia seguinte fica abaixo do esperado


A procura pela pílula do dia seguinte ficou abaixo do esperado durante os primeiros quatro dias do Carnaval do Recife. De acordo com o coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), da Secretaria Municipal da Saúde, Carlos Figueiredo, desde sexta-feira, aproximadamente 20 pílulas foram entregues.

A distribuição do método contraceptivo causou polêmica em meio à Igreja Católica e outras instituições da sociedade civil. A Arquidiocese de Olinda e Recife chegou a fazer o pedido ao Ministério Público Estadual (MP-PE) para que a distribuição fosse suspensa. A promotora de Defesa da Saúde, Maria Ivana Botelho, no entanto, decidiu não enviar o pedido à Justiça e manteve a distribuição. A Associação de Defesa dos Usuários de Seguros e Sistema de Saúde (Aduseps) entrou na Justiça para barrar a pílula, mas teve a solicitação negada.

Segundo Figueiredo, a procura maior pelas pílulas foi na segunda-feira, quando a Secretaria distribuiu 11 delas. "Pensamos que o povo fosse procurar muito mais, por conta da polêmica", afirmou.

Ele acredita que a baixa procura também esteja relacionada ao fato de as pessoas estarem se protegendo com preservativos, que também são distribuídos gratuitamente nos postos de saúde montados pela secretaria.

A médica Benita Spineli, gerente de Atenção à Saúde da Mulher, disse que muitas pessoas não estão bem informadas a respeito da distribuição da pílula. Para receber o medicamento, é preciso passar por uma avaliação médica, que pode ser feita nos próprios postos de distribuição.

Conforme Benita, desde 2003, ano em que a distribuição passou a ser feita gratuitamente pela prefeitura, a procura não tem sido elevada. "Consideramos o método como sendo de emergência, não é recomendável para todos os casos", afirmou.

A prefeitura do Recife só vai divulgar os números oficiais da entrega das pílulas na Quarta-feira de Cinzas, depois do Carnaval. Nesta terça-feira, o contraceptivo ainda pode ser encontrado nos postos de saúde instalados no Marco Zero e na praça do Diário, além de maternidades e policlínicas do município.

Voltei. A campanha foi um fiasco. Para o nosso bem, o Ministério da Saúde foi incompetente demais durante essa campanha. Bem feito para eles!

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Nenhum comentário: