quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

D. Cappio desmaia ao discutir a decisão do STF

Saudações queridos leitores!

Notícia do UOL (íntegra aqui), volto depois.

D. Cappio desmaia ao discutir a decisão do STF

Angela Lacerda
Em Sobradinho

O bispo d. Luiz Flávio Cappio, 61, desmaiou enquanto discutia com os movimentos sociais uma nota repercutindo a decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) de manter as obras da transposição do Rio São Francisco.

O coordenador da Pastoral da Terra, Rubens Siqueira, afirmou que Cappio ficou bastante abalado. "É um desalento muito grande", disse o bispo antes de desmaiar. Ele recobrou a consciência com ajuda médica.

Desde o início da greve de fome, há 22 dias, Cappio perdeu 9 quilos. De acordo com o boletim médico divulgado pelo frade franciscano e clínico geral Klaus Finkam, o bispo se queixou de dores em todo o corpo, no início da noite de ontem, mas conseguiu dormir. A pressão arterial dele é de 9 por 6, considerada baixa. Os sinais vitais e funções fisiológicas estão normais.

Pela manhã, Cappio recebeu um telefonema de solidariedade e apoio do ministro geral da Ordem Franciscana em Roma, o espanhol José Rodriguez Carballo.

Voltei. Por mais que eu concorde com os motivos da greve de Dom Cappio, já passou da hora de ele cessar com essa greve, pois o método já se tornou chantagem e está clara a desobediência à Igreja.

Existem outros meios para se conseguir a suspensão das obras e esse não é um deles. A atitude de Dom Cappio já começa a repercutir negativamente em alguns setores da sociedade, que vêem isso como um precedente perigoso caso o governo ceda às pressões do bispo. Espero sinceramente que essa história não acabe com a morte de Dom Luiz Cappio. Também espero que a Igreja dê a devida punição a esse ato de desobediência do bispo.

Fiquem com Deus e divirtam-se,
Fernando.

Nenhum comentário: